Acne, pra que te quero?

postado em  •  16 comentários

Quem nunca se desesperou por causa de uma espinha inflamada que apareceu na ponta do nariz ou porque o queixo cismou de encher de cravinhos feiosos? Nessas horas o único consolo é pensar que com a idade passa. O problema é quando não passa.

Luto contra acne desde os 13 anos de idade. Foi nessa idade que placas vermelhas gigantes se espalharam pelo meu corpo e minha mãe, desesperada, me levou a um alergista para tratar a tal urticária. Chegando lá descobrimos um pequeno detalhe: Eu não tinha urticária, mas sim acne. Gente, as malditas espinhas-mutantes (por serem enormes) estavam por todos os lados (tinha até no couro cabeludo) e quando apareceram levaram por água abaixo a minha auto-estima. Comecei a usar ácidos, enxofre, antibiótico oral e tópico e tudo causava uma melhora, mas não resolvia. Até que uma dermato bem safa sacou que o problema deveria ser hormonal e me encaminhou para uma ginecologista. Foi lá, queridos, que eu descobri que a acne era resultado da Sí­ndrome dos Ovários Policí­sticos e que eu teria que lutar contra ela durante muito e muito anos. Comecei a tomar anticoncepcional (Diane 35) como parte do tratamento e a pele deu uma melhorada. Tomo até hoje e se parar de tomar a acne mutante volta com força total!

Esse drama todo foi para dizer que pele com acne requer um cuidado extra e esse cuidado não se resume somente a parte fí­sica e estética, mas também a parte psicológica. Ninguém gosta de viver com a pele cheia de espinhas e quando somos jovens os “amiguinhos” podem ser bem cruéis e nos apelidar de coisas nada agradáveis. Por isso, muita gente que sofre com acne severa acaba em uma baita depressão e com problemas sérios de auto-estima. Nessas horas é importante não ter vergonha e procurar, além do tratamento estético, alguém para conversar.

Quanto í  parte estética, acreditem: Para tudo nessa via existe uma solução e o importante é buscar um dermatologista de confiança e conversar com ele sobre o problema. Ele será a pessoa mais indicada para te ajudar.

Contudo, algumas regrinhas e hábitos são tão básicos quanto calça jeans e camisa branca que você já pode adicionar í  sua rotina.

Vem comigo que eu te mostro…

Cuidados básicos com a pele…

Limpeza: Lavar o rosto duas vezes por dia é essencial. No meu tempo de garota os médicos recomendavam a limpeza três vezes ao dia, mas hoje já se sabe que lavando mais do que duas vezes pode ocorrer o “efeito rebote” que é quando o organismo deduz que a sua pele está precisando de hidratação e enche o rosto de óleo. Então, é assim: Lava de manhã quando acordar e í  noite antes de dormir. Os sabontes com ácido salicí­lico e enxofre são os mais comuns e costumam dar conta do recado, limpando e segurando a oleosidade sem ressecar.

Hidratação: Dizem que pele oleosa também precisa de hidratação e eu não discordo. Porém, atento para o fato de que uma pele com acne é mais complicada do que uma simples pele oleosa. Por experiência própria sei que nem sempre um hidratante para pele oleosa vai funcionar em uma pele com acne, muitas vezes eles agravam o problema. Tanto é que os dermatologistas nem costumam receitar esse tipo de produto. O segredo então é tentar e se não rolar, tudo bem. Cada pele é uma pele. Agora, se for usar busque produtos sem óleo e especí­ficos para pele com acne. Hoje em dia já existem opçíµes que além de hidratar e desinflamar a pele também matificam. Confesso, que nunca encontrei um creme hidratante matificante que realmente matificasse o meu rosto. Eles até ajudam, mas não deixam a pele sequinha por horas como prometem.

Proteção solar: Gente, protetor para quem te pele com acne é TUDO. Não tem como dispensar o uso do protetor diariamente. Eu uso todos os dias e mesmo assim minha pele é cheia de manchinhas imagina só se seu não usasse! No mercado existem as opçíµes em Gel (como o Episol gel sem álcool) e os em creme sem óleo (como o Minesol Oil Control que é o que eu uso e que além de proteger super bem ainda ajuda a segurar a oleosidade). Além desses existem outros, é claro. O segredo é experimentar e ver qual a melhor opção para você. Lembrando que no dia a dia normalmente usa-se filtro com fator de proteção 30, mas para a praia é no mí­nimo 50, viu?

Cremes de tratamento: Alguns tipos de acne pedem um tratamento além da simples limpeza e hidratação com componentes antiinflamatórios. Na grande maioria das vezes é preciso usar um creme de tratamento noturno para ajudar da cicatrização das inflamaçíµes, na remoção de manchas e cravos. Esses produtos normalmente são feitos í  base ácido salicí­lico, peróxido de benzoí­la, alfa-hidroxi-ácidos e í s vezes até mesmo vitamina C. Ao utilizarmos produtos desse tipo a melhora da pele é incrí­vel e rápida, contudo, infelizmente eles podem causar efeitos colaterais como boca ressecada e pele super sensí­vel e super avermelhada, por isso, nada de sol!

Limpeza de pele profunda: Não tem chororí´, pele com acne precisa de uma limpeza de pele mensal para ficar sempre bonita. Existem dois métodos: O tradicional, onde a esteticista vai espremendo os cravinhos com cuidado para não machucar a pele, e o por sucção onde é usado um aparelho que suga as impurezas da pele. Eu já experimentei os dois e digo que sou fã do tradicional. Explico: O método por sucção é praticamente indolor e não deixa marcas, mas em compensação também não limpa quase nada. Já fiz um pacote de 10 sessíµes de limpeza por esse método e só no final das 10 obtive o resultado que tenho em uma sessão bem feita de limpeza tradicional. í‰ verdade, a tradicional dói pra chuchu, mas quando bem feita não marca e nem causa danos í  pele. Por isso digo: Procurem um profissional de confiança! Caí­ na besteira de fazer uma limpeza em um Studio de beleza super badalado aqui do Rio com uma esteticista que não conhecia. Resultado? Dois buraquinhos na bochecha e várias manchas… A mulher acabou comigo!
No Rio eu indico a Lurdinha no SPA Harmonya. Ela faz uma limpeza maravilhosa e é super cuidadosa.

Maquiagem…

Há anos desisti de usar maquiagem no dia a dia. Isso porque mesmo usando produtos próprios para pele oleosa e que até prometem tratar a acne minha pele fica irritada e cheia de espinhas. Então, só uso quando vou sair í  noite e nos finais de semana. Porque alguns dias seguidos com maquiagem = pele chokito! Mas, como já disse: Cada pele é uma pele e o mercado já oferecer ótimas opçíµes de base, corretivos e pós próprios para pele com acne. Escolha o que mais lhe agradar e se jogue com força, só não esqueça de remover muito bem os produtos com um demaquilante para pele oleosa e depois lavar a pele com o seu sabonete preferido.

Tratamentos extras…

Para tratar manchas e cicatrizes de acne o bom e velho Peeling pode ser uma ótima pedida. O tipo mais adequado, porém, é o seu médico quem irá indicar. Vale falar também que não adianta fazer peeling se a acne não estiver controlada, então, primeiro é preciso tratar o problema para depois tratar as conseqí¼ências do mesmo. Outro tratamento que está sendo muito falado atualmente é a Luz Pulsada que limpa e clareia a pele em um tempo muito mais rápido do que os tratamentos comuns. Normalmente em 1 mês de tratamento é os suficiente. E não dói, ta?

Alimentação…

Quanto mais fibra eu como melhor a minha pele fica e basta um chocolatinho inocente para eu virar uma barra de Chokito. Uma boa pele depende de uma boa alimentação e alimentos ricos de gordura são mortais. Coma legumes, verduras, frutas e se for comer um biscoito escolha os integrais e sem gordura trans.

Bí´nus…

Na hora de fazer depilação em qualquer parte do rosto evite o uso de cera. Ela costuma irritar a pele aumentando o número de espinhas! A depilação com linha é uma boa opção, pois não causa irritação e ainda evita a flacidez no rosto :)

E lembre-se: Não esprema a espinha! Se ela está feia e inflamada imagina só como ficará depois que você apertá-la e machucá-la! Na hora que bater aquela vontade de espremer pense: Se eu fizer isso vou ficar marcado e a marca é bem mais difí­cil de tirar.

Tem crí­ticas, sugestíµes, reclamaçíµes ou qualquer coisa do tipo? Envia um email ou me segue no twitter.

16 comentários em “Acne, pra que te quero?”

  1. edmilson pasoos às 13:46

    eu e minha noiva carolina manache temos um problema de pele um e rosea nos dois so que a pele dela esta toda ruim cheia de manche vermelha nasc parte da bunda e umpouco na face sendo que nas costa esta horrivel tem uma s manche estranha nos seios nos bico so seio vermelho resumindo esta estranha . eu estou com so a face tipo escama de peixe e um pouco de vermelhado so quando cosso no local fica um pereba e depois vira um feredinha pequena . isto o que e rosea e uma doença grave e da onde veio e se contagioso e como no pegamaos etem cura obrigado pela atençao

  2. Leticia às 16:52

    Muito bom o seu post, realmente a limpeza de pele melhora muito a pele. Achei um post muito legal também falando sobre isso, quem quiser dá só uma olhada!
    http://blog.otris.com.br/?p=92

  3. Suzana às 20:49

    Ótimo post =)

    Eu também tenho a pele oleosa, e já tive váaaarias espinhas, e caí na besteira de espremer =( Tenho umas marcas beeeeeem feinhas (nada que me deforme, graças a Deus), e espero tratar disso um dia!

    Eu tinha um problema nas costas também, e meu derma me passou sabonete de enxofre da Phebo pra tratar. Deu certo, mas eu DE-TES-TO o cheiro desse sabonete (especialmente pq eu dou banho nas minhas cachorras com ele, então pra mim eu ficava com cheiro de cachorra). Encontrei um ótimo substituto pro sabonete de enxofre da Phebo: o de Calêndula, da Granado (dica: a Phebo é fabricado pela granado, mas há diferença entre os produtos, os da Granado MESMO eu acho melhores). Ele deixa minha pele lisinha.

    Não sei o que os outros dermas falam para vocês, mas isso foi o que melhor resolveu para mim =)

    Beijos ;**

  4. pabla às 16:35

    tenho o mesmissimo problema que o seu

    comecei o meu tratamento com um endocrinologista

    resolveu um pouco o problema, mas eu não posso deixar de vigiar

    pq se não lá vem as espinhas!!!!!!!!!

  5. Victoria Siqueira às 19:18

    Quando eu era mais nova, era quase um chokito de taaaantas espinhas. Eu tb tomei Roacutan e a dermatologista sempre a colocou como última opção, tanto que eu fui tomar depois de quase 8 anos de tratamento.

  6. Joana às 16:51

    Já vi o Roacutan fazer milagre mesmo! O tratamento é sofrido, mas o resultado é maravilhoso. Infelizmente não funciona para todos os casos. Para quem que Ovário Policísticos, por exemplo, os resultados não são duradouros. Resolve durante o tratamento e até um curto tempo depois, mas acaba voltando tudo… Não vale a pena :( Tanto é que o laboratório nem oferece o segundo tratamento (como sempre faz caso o 1º tratamento não tenha efeito) para quem tem a síndrome.

  7. Martha às 01:00

    Pra matificar a pele oleosa, indico o Hidratante Effaclar M da La Roche-Posay.
    Eu sempre fui contra e teimava em não usar os hiratantes que a minha dermato mandava, até que comecei a passar o Effaclar Duo antes de dormir e de manha depois de lavar o rosto, passar o Effaclar M!
    A minha pele melhorou muito, fica com uma aparência bem lisinha. Eu recomendo toda a linha Effaclar da La Roche-Posay. Controlam super bem a oleosidade. O gel para limpeza também é muito bom!
    Mas pra acne severa talvez não ajude muito, apesar de que a minha pele é MUITO oleosa e acho que o effaclar M tem dado conta do recado.

    ADorei ler o post e é sempre bom relembrar essas dicas, afinal, as vezes dá uma preguicinha de seguir elas, mas quando a gente segue a rotina adequada.. a pele fica tao bonita =)

    1. Victoria Siqueira às 10:01

      Martha, eu tô usando o Effaclar tb, mas o sabonete e o Effaclar H. Eu tenho a pele SUPER oleosa (vou preparar meu depoimento HAHAHA), mas comecei a ter dermatite emocional… é só estressar e as áreas mais oleosas começavam a descascar. Foi a solução! HAHAHA

  8. Uaba às 23:16

    Amei o post. Algumas coisas a gente já sabe, mas sempre tem aquela diquinha nova que vale a pena testar. Tenho 22 anos e ainda aparecem mil espinhas no meu rosto e, como sou branquinha, elas deixam marcas vermelhas. Já fui a vários dermatologistas e nenhuma descobriu a causa e quis logo me passar o tal do roacutam, eu não quis. Tô investigando com o ginecologista agora, mas não tenho ovários policísticos, não sei mais o que fazer. Lavo o rosto duas vezes por dia, com sabonete adequado, uso pouca maquiagem, sempre estou de protetor solar (o episol), uso uma loção com uma dessas substâncias que vc falou e tudo o mais, mas nada adianta. E eu que tenho cara de menina, fica pior ainda ter o rosto marcado. Já vi acnes piores que a minha, mas meu rosto está longe de ser lisinho.
    Adorei poder ler sobre isso aqui e ver que tem gente como eu, infelizmente, né?! Porque todo mundo quer ter uma pele bonita. Obrigada! Bjs :D

  9. Patrícia às 22:30

    Adorei o post! Eu sofro desse problema super chato: Acne! Realmente é péssimo olhar todo mundo com aquelas carinhas fofas e você com o rosto todo marcado. A auto estima fica baixa mesmo. Sei por experiência própria. Mas eu acredito que seja só uma fase, a maioria das pessoas depois que ficam adultas, esse problema acaba de vez ou boa parte dele. Porem, enquanto essa fase não passa é ótimo cuidar bastante. Suas dicas foram ótimas. Eu ja seguia algumas, mas to aceitando nossas dicas. Adoro seus post Joana!

  10. Darllyane às 01:28

    Olha eu me identifiquei muito com a sua matéria! nossa tanto com relação aos produtos quanto as dicas em tudo… eu tnbm tnho o velho problema dos óvarios policisticos… soh que ultimamente eu não ando tomando anticoncepcional eu foco na alimentação mesmo e nas limpezas sem contar produtos enfim.. sei lá tomar o remedio sempre é algo que me incomoda mas sei k uma hora vou acabar voltando.. mas de resto eu adorei ! parabéns!

  11. Aline Martins Alonso às 01:08

    Sofro do mesmo mal, sabia de (quase) tudo isso, mas não consigo seguir nada! Acho que vou imprimir essa página do blog e colar no meu armário pra ver se você vira a fada madrinha que vai salvar minha pele!

  12. licedoa às 01:00

    Eu graças à Deus nunca sofri por causa de espinha! Mas calma lá! Isso não quer dizer que eu nunca tive, tá? rsrsrs…Sou humana e de vez em quando ainda hoje depois de "velha" aparece uma ou outra!
    =1

  13. Victoria Siqueira às 23:39

    Tô testando umas outras coisas pra fazer um post-depoimento também! E experiência nisso não falta rs

  14. lecherry às 22:45

    Valeu as dicas! :D

  15. Ana Paula Legey às 21:19

    Espinhas são realmente um tormento… Esses cuidados são mesmo fundamentais, passei a adolescência toda meio q negligenciando a minha pele… Nesses últimos anos resolvi levar essa rotina a serio e a diferença é absurda! De aparencia, textura… ótimas dicas. Só preciso me disciplinar mais com relação ao filtro solar… É realmente fundamental.

Deixe seu comentário!