Janeiro 2011

Destino: Londres – Guia de Compras Parte I

postado em  •  29 comentários

Compras em Londres foi um capí­tulo a parte na viagem. Fui sem muitas expectativas de fazer grandes extravagí¢ncias e no fim fui surpreendida pela variedade, preço (liquidação, í´e!) e claro, qualidade dos produtos.

Para não tornar a leitura cansativa, dividi o Guia de Compras em 2 partes. O post de hoje mostra o lado “burocrático” das compras no exterior e traz uma dica imperdí­vel: como ter pelo menos 10% do valor das suas compras de volta!

As liquidaçíµes

Eu juro que eu não foi proposital, mas acabei indo para Londres BEM NA SEMANA das famosas liquidaçíµes da cidade. Elas acontecem a partir da última semana de dezembro (pós Natal) e se estendem até fevereiro. A outra oportunidade de aproveitar as megas liquidaçíµes são de junho a julho.

Os sales são uma ótima oportunidade de comprar boas peças a preços incrí­veis. Grande parte das lojas reduzem seus preços a 50%, mas em algumas lojas como a GAP e a Harrods, os descontos podem chegar até 70%, ou seja, muito amor no coração e na nossa carteira. Ao contrário da maioria das “liquidaçíµes” que nós estamos acostumados, não é preciso garimpar muito: existem peças de todos os tamanhos, cores e estilos disponí­veis <3


Casaco de lã na GAP de £75 por £30


Além dos descontos, é possí­vel encontrar promoçíµes no melhor estilo leve 2 e ganhe 3. E são TODAS as lojas da cidade com preços imperdí­veis, sem excessão.

Se você pretende ir ao paí­s para fazer compras, cogite a possibilidade de se programar para ir nas épocas de sale. Compensa, e MUITO.
Continue lendo →

Destino: Londres – Alimentação

postado em  •  28 comentários

Comer bem na terra da rainha é uma tarefa praticamente impossí­vel. Quer dizer, não tão impossí­vel assim, mas bem perto disso -e é por isso que ganhou um post especí­fico para compartilhar as dicas “cazamiga”.

A Inglaterra não é um paí­s de tradiçíµes gastroní´micas como seus vizinhos França e Itália. Com excessão do tradicional chá inglês (e a pausa da rainha í s 5 p.m para seu tradicional chá), não existe nenhum “alimento” tí­pico. Ou melhor tem: é Fish and Fries, ou seja, peixe frito e batata frita. Isso mesmo meus amigos, sem nenhum arroz, saladinha ou molho vinagretchen como acompanhamento. Fritura + fritura e só. Não sei vocês, mas por mais junkie way of life que eu seja, mas não sou muito chegada em fritura. O cheiro até dava uma vontadezinha, mas como sei que meu fí­gado não aguenta tanta emoção, passei. Além disso, morro de medo de comer coisas fora de casa e imagina isso num paí­s que você não conhece, com temperos e modos de preparo que você também desconhece?
Continue lendo →

Amigo Secreto Blogueirada

postado em  •  11 comentários

Pausa nos posts sobre Londres porque promessa é dí­vida e eu tí´ devendo esse post desde antes da viagem HAHAHA!

Aquela linda da @mandyarruda do Maçãs Verdes organizou em dezembro o Blogueirada, amigo secreto da galera miguxaoldschool da blogosfera e é claro que eu quis participar. Como eu viajei, o presente da minha amiga secreta chegou durante minha ausência. E nem preciso dizer que ela acertou em cheio no presente:

Quem me tirou foi fofa da @thaisn do Jujubas que me acompanha desde o finado solikearose.net (2005 amigos!). Pode apertar as buchechas e achar fofo que ela me acompanha desde os aureos tempos? <3 E eu tirei outra queridí­ssima de longa data, a fofa da @uaba do Uaballoons. Dentre todos os presentes que ela indicou, resolvi presenteá-la com uma daquelas =máquinas fotográficas descartáveis, meu sonho de infí¢ncia e depois, descobri que era o dela também. Será que eu acertei?

Adorei participar e espero que no final deste ano role mais uma edição! Vamos Mandy? \o/

Destino: Londres – Chegando Lá

postado em  •  51 comentários

E continuando a série de posts sobre Londres, hoje é dia de compartilhar um pouco da minha experiência depois que eu cheguei de fato na terra da rainha e como eu e meus amigos conseguimos nos virar durante nossa viagem. Acredito que esse seja um dos posts mais essenciais da série (o próximo também! HAHAHA), porque muitas das dicas que eu vou compartilhar são coisas que nós descobrimos lá nos virando nos 30! VEM COMIGO, GENTE \o/

Imigração:

Chegando em Londres, você obrigatoriamente passará pela imigração. A primeira pergunta coisa que eles perguntam é se você sabe falar inglês. Caso você não saiba, eles solicitam ajuda de algum funcionário do própria imigração para ajudar. Agora se você tem uma base legal do idioma, não encontrará maiores dificuldades, até porque as perguntas são muito básicas, do tipo quantos dias você pretende ficar por lá, se você pretende seguir para outro paí­s depois da Inglaterra e o motivo da viagem.

De cara, você acaba com a imagem de que os ingleses são frios e marrentos. A policial que me entrevistou perguntou se eu falava inglês, e eu respondi um “hmmm so so… LET’S TRY!”. Ela riu, achou legal o fato de eu ser do Brasil e me desejou uma ótima viagem. Meus acompanhantes também elogiaram a simpatia e o tratamento dos funcionários da imigração inglesa. Ponto pra eles!

Continue lendo →