Os favoritos: o que eu usei, ouvi e amei em 2011!

postado em  •  9 comentários

Todo final de ano é uma coisa meio clichê, mas ao mesmo tempo mega divertido: é hora de fazer um balanço sobre tudo que rolou ao longo do ano inteiro, fazer uma retrospectiva sobre o que valeu a pena de verdade e também sobre o que vale mudar nesta nova fase que virá.

Influenciada pela Gabi e pelas meninas do TPM Moderna, resolvi brincar de eleger meus favoritos de 2011, mas não só sobre meus produtos favoritos de beleza mas também sobre as coisas que eu andei usando, ouvindo, conhecendo e até escrevendo ao longo deste ano <3

2011 foi um ano que eu tive uma mudança gritante nos meus hábitos de consumo, principalmente no quesito cosméticos. Deixei de sair comprando tudo que eu via na minha frente e decidi investir em produtos que realmente atendessem meus desejos e necessidades, mesmo que eu tivesse que pagar um pouco mais caro por eles.

Como comecei meu ano voltando de viagem internacional, trouxe na bagagem muitos produtos importados que aqui custam o olho da cara, mas lá fora são equivalente ao que pagamos aqui em marcas digamos assim, mais acessí­veis como a linha premium da Natura, Boticário e Contém 1g. Por isso, 99% dos produtos listados abaixo são importados e ficam como dica para quem está ou tem algum conhecido com viagem marcada para a gringa.

01) Melhor Base: Dior Nude
Uma das coisas mais difí­ceis na categoria maquiagem é, sem dúvidas encontrar uma base que atenda todas as nossas necessidades, ou seja, que cubra todas as imperfeiçíµes ao mesmo tempo que não dê aquele aspecto pesado “massa corrida feelings”, com um aspecto bem natural e iluminado. Conheci essa base num evento da Dior ano passado, mas só tive a oportunidade de comprá-la quando passei no freeshop voltando de Londres e falo que é, de longe, a melhor base que eu já tive na minha vida. Sempre que eu uso, alguém me pergunta o que eu fiz para estar com a pele boa -favor segurarem os risos, seus safadinhos.

02) Melhor Batom: Ruby Woo, MAC
Sempre fui o tipo de pessoa que achava batom vermelho lindo, mas nos outros. Mas aí­ tudo mudou quando comprei meu primeiro Ruby Woo, o batom mais divo e lindo que eu já tive na vida -disse a pessoa que tem uma coleção de batons na penteadeira.

03) Melhor Blush: Dame, MAC
Blush bom é aquele que dá cara de saúde sem parecer que você é namorada do Chris Brown como bem disse o Edipo do QDNG. Gosto de blushes rosados, que não pesam tanto no resultado final mas que ao mesmo tempo, dê uma carinha de saúde para esta pessoa que abomina sol. Gosto do Dame porque ele econsegue ser rosinha sem me deixar um cosplay do Baby (sim, o porquinho atrapalhado) de tão rosa e ao mesmo tempo tem um brilho discreto.

04) Melhor Corretivo: Studio Fix, MAC
Esse corretivo é tipo “honour concour” da minha necessárie. Uso há uns 2 anos e é o melhor corretivo que eu já tive -e olha que eu perdi a conta de quantos eu já experimentei. Para quem tem olheiras, é uma ótima opção porque além de cobrir tudo, segura bem o dia inteiro \o/

05) Melhor Perfume: Womanity. Thierry Mugler
Foi amor a primeira espirrada/cheirada. Confesso que fui sentir só pela curiosidade de sentir o cheiro do “primeiro perfume salgado do mundo” e fiquei encantada pela fragrí¢ncia. Não se deixe levar pela descrição que diz que tem caviar como nota e na idéia do salgado porque ele não tem nada disso. Tem um cheiro maravilhoso de figo, é doce sem ser enjoativo, daqueles perfumes que todo mundo elogia e pergunta qual é. Conseguiu a proeza de tirar o posto do Fantasy depois de 4 anos sendo meu perfume favorito.

06) Melhor Creme: Hydration Angelica, L’occitane
Já passei dos 25 e chegou a hora de incluir alguns tratamentos para garantir que a pele fique boa e mantenha a firmeza né? Sou apaixonada por essa linha de Angelica da L’occitane, porque deixa minha pele mega hidratada sem ficar oleosa. E ainda tem um cheirinho incrí­vel <3 07) Melhor Sombra: Black Tied, MAC
Porque sombra preta é amor, é raio, é estrela, é luar. Essa da MAC é mega pigmentada e tem uns brilhinhos lindos. í‰ amí´!

08) Melhor Lápis de Olho: Contour Clubbing, Bourjois
Outro “honour concour” da minha necessárie. Uso há uns 3 anos e não troco de jeito nenhum. O preço é bem acessí­vel em se tratando de uma marca de make gringa e das boas (por volta de R$35), é mega pigmentado e por ser a prova d’agua, resiste firme a um dia inteiro de trabalho. Fora que dura horrores!

09) Melhor Máscara de Cí­lios (aka Rí­mel): Diorshow Extase, Dior
Máscara das boas, daquela que encorpa, alonga e não deixa os cí­lios empelotados. Se você gosta de cí­lios estilo Pííííí, essa é uma ótima opção. Como aqui no Brasil o preço dele é bem salgadinho, fica a dica: no Duty Free custa por volta de $32 (mais ou menos R$60), mas existe aqueles packs-amigos aonde você leva 2 com um mega desconto (se eu não me engano, paguei $40). Se você está de viagem marcada ou conhece alguém que vai para a gringa em breve, é uma ótima pedida :D

10) Melhor Filtro Solar: Minessol, ROC
Como cheguei nos 25 e agora a lei da gravidade começa a atuar no meu rosto, chegou a hora de trocar os ácidos e cremes antiacne por produtos para evitar o envelhecimento da pele, e claro que entre eles não pode faltar um bom filtro solar. O Minessol foi indicação das meninas do trabalho e não decepcionou. Passo de manhã, depois de lavar o rosto e passar hidratante, antes de fazer a maquiagem :D

11) Melhor linha para cabelo: Extreme, Redken
De todos os produtos que eu usei para o cabelo ao longo de 2011 (e olha que não foram poucos! HAHAHA), o destaque fica para essa linha maravilinda da Redken. Cabelo fica mega hidratado, fofinho, com brilho e não pesa depois de tantos usos. AMOR define.

12) Melhor Pó Compacto/Facial: Blot, MAC
í‰ clássico, é queridinho das loucas por maquiagem e sim, é essa Coca Cola toda. Para não ficar com aquela cara ~massa corrida~ feelings, troque a esponjinha pelo pincel de pó que ajuda a dar um acabamento perfeito e sem pesadão.

Este ano tive uma outra mudança bem significativa com relação ao meu comportamento fashion. Com essa verdadeira enxurrada de informação e a democratização da moda, passei a refletir sobre meu estilo, sobre as “tendências” e sobre tudo aquilo que me representava. Me dei conta que muitas vezes, mesmo inconscientemente, comprava algumas coisas só por estarem na “moda” mas que no fundo não faziam meu estilo. Resultado: tudo ficava guardado no limbo do meu guarda-roupa.

Foi uma fase de reflexão do meu estilo, de aprender a comprar melhor e de também arriscar mais, principalmente cores (já disse que 90% do meu guarda-roupa é preto?), estampas e texturas.

01) Melhor compra: camiseta com ombreiras da Joulik
Sabe quando você quer muito uma coisa e só precisa de um pretexto para comprar? Então. Como eu já disse várias vezes, meu guarda-roupa é uma coisa meio Mí´nica e por isso, tento comprar algumas peças chaves para coordenar com o resto das roupas, daí­ o desejo de ter uma das camisetas lindas e mega trabalhadas da Joulik. O pretexto? Discotecar na Alt + Tab de outubro. Ela é linda, toda cheia de pedras, miçangas, canutilhos e correntes, e ótima para aqueles dias que você tá com preguiça de pensar em qual roupa vai colocar para ir para uma festa ou sair com os amigos. Minha melhor compra do ano, sem dúvidas <3 02) Melhor “tendência”: sapatos com glitter
Para quem é linda, tem espí­rito travesti e não quer esperar morrer para ter purpurina acoplada no corpo. Meu amor verdadeiro, amor eterno para meu Oxford da Empório Naka e minhas sapatilhas da Dakota.

03) Não saiu do guarda-roupa: camisa xadrez
2011 foi o ano que eu me apaixonei pelo xadrez. Em mim e nos outros. Trouxe várias de Londres, comprei outras tantas aqui, dei várias de presente para os amigos e amigas. Queria desapegar, mas não consigo. Foi meu ví­cio de 2011, certamente perdurará por 2012 também.

04) Melhor acessório: bijus e outras coisas de caveira
Anel, brinco, bolsa, correntinha, pulseira, detalhe de sapato, estampa de camiseta… caveira é amor, é raio, é estrela, é luar.

05) Melhor peça para a noite: shorts de paetê
í‰ confortável, é luxo, é glamour, é fashion, é perua, é lindo. Coloca uma camiseta podrinha em cima, um sapato bonito e tá pronta para a festa sem muito esforço.

2011 foi um ano extremamente musical para mim, e acho que isso refletiu bastante aqui no blog. Ouvi muita coisa diferente, expus meus gostos e escolhas musicais, fui em muitos shows, me arrisquei compartilhando com vocês meus gostos musicais nas Mixtapes -até ataquei de DJ algumas vezes! HAHAHAHAHA

Melhor Show: Muse + U2 na 360 Tour
Gostaria de ter eleito minha musa-deusa Neydoca nesta categoria, mas não rolou. De todos os shows que eu tive a oportunidade de ver ao longo deste ano, o melhor e mais emocionante foi de longe o combo Muse e U2 em abril no Morumbi. Mega produção, músicas lindas, com direito ao muso Bellamy abrindo os shows, eu me esguelando em Uprising e tio Bono me emocionando a cada musica ”“aliás, nunca vou esquecer do estádio inteiro cantando Beautiful Day. Lindo, lindo, lindo.

Melhor CD: Femme Fatale, Britney Spears
O ~Fêmea Fatal~ está longe de ser meu CD favorito da Neyde, mas considero o CD do ano porque marcou o retorno da princesa pop. Não, aquela Britney que nós conhecemos até o In The Zone não existe mais. Mas de uma nova Britney, talvez mais mulher, mais madura, aquela que superou uma fase negra com louvor.

Melhor Single: We Found Love, Rihanna
A letra é curtinha, é boba mas tem uma batida envolvente e contagiante. Me apaixonei por muitas músicas em 2011, conheci muitos artistas novos, mas voltei a gostar da Rihanna como nos tempos de Umbrella e Don”™t Stop The Music depois de vê-la ao vivo aqui em SP. Acho We Found Love quase um hino para todos aqueles que no fundo ainda acreditam que existe amor, inclusive em lugares sem esperança (e também em SP, porque não Criollo? HAHAHA).

Melhor Descoberta: Nicki Minaj
Confesso que não sou muito chegada a nada muito com uma pegada meio rapper com excessão do saudoso TLC. Muitos dos meus amigos já curtiam a Nicki, mas confesso que nunca tive a mí­nima curiosidade de conhecer, até o dia que eu por acaso ouvi “Super Bass” e me apaixonei. Estou longe de ser uma fã, mas as músicas da moçoila já fazem parte da minha trilha sonora diária.

Durante este ano, me forcei a conhecer coisas novas, viver novas experiências e principalmente sair mais de casa afinal, nem só de trabalho, estudo e Internet é que se vive né gente?

1) Melhor caipirinha: Blueberry + Morango
Pensa em amor em forma de bebida. Agora pensa numa caipirinha de blueberry com morango e me diz se não é a materialização do amor em forma de bebida. Para quem gostou da idéia, é de SP e quer tomar bons drinque com os amigos no final de semana, fica a dica: essa belezinha tem lá no Squat Bar, que fica na Al Itu n°. 1548.

2) Ví­cio gastroní´mico: Temaki
Demorei bastante para me apaixonar pela culinária japa, mas quando ganhou meu coraçãozinho foi arrebatador. Meu favorito é o salmão completo com creamcheese. Também amo/sou o Salmão Gourmet do Yoi! que leva salmão fresco, shimeji, creamcheese e amêndoas <3 3) Melhor festa: Post It, Vegas
í‰ minha festa favorita e sempre que tem, tento dar um jeitinho de ir. Já tive a honra de discotecar lá duas vezes, a primeira fazendo dupla com o Thi e a outra com a Lia ft Fê e Jreige. í‰ o tipo de festa para se divertir, conhecer gente nova, reencontrar amigos, dançar no palquinho e se acabar no pole dance como se não houvesse o amanhã <3 4) Melhor filme: Medianeiras, Buenos Aires na Era do Amor Virtual
Gostaria de ter feito uma resenha do filme aqui no blog mas confesso que falar sobre cinema não é lá meu forte e por isso, prefiro ficar na posição de telespectadora a emitir minha opinião. í‰ um filme todo fofo e super bacana, principalmente para nós que crescemos com essa necessidade de estar conectado o tempo todo, mostrando que existe vida, amor e afeto também na vida offline -é só uma questão de abrir os olhos e olhar para quem pode estar, inclusive, ai do seu lado no í´nibus ou passando do outro lado da rua.

2011 também foi um ano de transformaçíµes no blog. Sempre disse que o Borboletando é um pouco do reflexo do que eu sou, penso, acredito, vivo e por isso, ele está em constante mutação -e tanto é que a idéia do nome é justamente traduzir esse meu lado metamorfótico. Quem me conhece na vida real sabe que eu sou uma pessoa extremamente crí­tica, principalmente com relação a mim mesma e as coisas que eu faço. Sou do tipo de pessoa que faz certo ou desencana, porque não atura nada mais ou menos. E era exatamente assim que eu estava me sentindo com relação ao blog: ou eu mudava, fazendo as coisas do meu jeito e sendo feliz ou eu desencanava dele -e eu escolhi a primeira opção.

Por isso, resolvi fazer diferente e não indicar para leitura os posts mais acessados, mas sim os meus posts favoritos, aqueles que eu mais gostei de escrever em 2011 (e espero que vocês também tenham gostado de ler! HAHAHAHA)

1) As mulheres de Nova, o Pseudo-Feminismo e o Amelismoleia
Conversa de mesa de bar com as amigas que resultou neste post cheio de interação e meninas que também não se sentem como as mulheres de Nova. Não me senti mais sozinha e estranha no ninho <3 2) Oi, meu nome é Victoria e hoje eu não compreileia
Uma das coisas que eu aprendi nos últimos anos é consumir de forma consciente e coerente, o suficiente, o que vai atender diretamente minhas expectativas e não só tampar o sol com a peneira.

3) Por uma vida com bí´nus, vidas extras e botão reset leia
Porque por mais que a gente aprenda com tombos, decepçíµes e erros, í s vezes a gente só queria que a tecnologia nos desse uma forcinha de recomeçar tudo de zero. Quem nunca quis ser meio Mario?

4) Rehab 2.o: um post baseado em fatos reaisleia
Temos vivido muito on-line e pouco off-line, sem nenhuma demagogia. Criamos personagens virtuais, rótulos. Criamos muitas vezes uma vida perfeita no Facebook só para mostrar para os outros como somos legais. Não acredito que devemos abandonar todas as redes sociais, nos isolarmos do mundo virtual, mas também nos permitir desbravar territórios ainda desconhecidos da nossa vida real.

5) Guia de Londresleia
Fiz um mega guia sobre minha viagem para Londres com dicas para a preparação antes da viagem e também o que esperar da terra da Rainha, de Kate e William, incluindo dicas de transporte, alimentação, passeios e compras. YAY!

6) Sobre ciclos, desapegos e recomeços ”“ leia
A vida é feita de ciclos, que nascem, crescem e depois se encerram para dar lugar a novas fases e para que isso aconteça, temos que estar preparados para praticar o desapego.

7) Pela licença poética de pirar na batatinhaleia
Porque muitas vezes para a gente sair do bloqueio criativo temos que viajar na maionese e pirar na batatinha smile.

8) Bem vinda, Lilly + Chilly, a pimenta mais doce da cidadeaqui e aqui
Um dos momentos mais tristes de 2011 foi a morte da minha pequena, a Jully, em junho. Na ocasião, fiz um post-desabafo aqui no blog minutos depois dela ter partido como uma forma de aliviar a dor no meu coração e recebi muitos comentários lindos de leitores que ajudaram a amenizar meu sentimento de impotência. Mas meses depois, vim compartilhar com muita alegria dois momentos super felizes do ano: a adoção da Lilly em setembro e da Chilly em novembro. De quebra, fiquei muito feliz em saber que ao compartilhar essas atitudes, muitos leitores foram influenciados a adotarem um bichinho também <3 E você, já elegeu seus favoritos de 2011 :D

9 comentários em “Os favoritos: o que eu usei, ouvi e amei em 2011!”

  1. Renata Fernandes às 19:26

    Em 2011 também descobri a base diorskin nude, é barbara, vc a descreveu perfeitamente, e o pó da Mac também é o que eu uso!!! #adorei

  2. Catarina às 17:34

    melhor cd de 2011 foi da britney spears??? Pfffffff…Quantos anos vc tem? 13?

  3. Poly às 21:12

    Minha hermana gêmea!! Acredita que eu me apaixonei por esse perfume desde a primeira vez que senti o cheiro? *_*
    Comprei ele E o body lotion. É amor demais!!! Pena que gosto de usar ele pra sair, mas não tem ngm pra sair comigo D: (leia-se pessoas do sexo masculino)
    Minha mãe e minhas amigas preferem os docinhos tradicionais com base de baunilha e essas coisas.
    Muito glamour e shows bons em 2012 o/
    Se for programar uma Vesh-ame em agosto, avisa, que devo estar em SP *_*
    :***

  4. Loma Sernaiotto às 22:26

    Amei a retrospectiva! Na verdade, quero todos os itens da sua lista fashion e não tenho nenhum. A camiseta com ombreira e o short de paetê são ambições das quais ainda estou insegura se compro. Mas desejo muito! Aquele post sobre a Nova foi puro amor em forma de sarcasmos. Toda vez que vejo a reviosta eu lembro de vc! Que seu 2012 seja esplendoroso e cheio de glitter. E quem sabe não teremos a chance de nos encotrarmos, né? Besos!

    1. Victoria Siqueira às 22:41

      Eu achei que fosse te fazer surpresa na praia esse ano mas no fim nem desci :( Mas espero te ver em 2012, mesmo <333

  5. Camies às 21:50

    QUEDÊ OS ESMALTCHYS? Ou vc voltou a usar só vermelho? ahaha

    1. Victoria Siqueira às 22:26

      Voltei Camies! HAHAHAHA vermelho e o blue satin :~~~~

      ME JULGUE HAHAHHAHAHAHA

  6. Lu às 21:33

    Infelizmente ainda nao tive oportunidade de testar os produtos ricos que você listou e ainda acho que meu gosto para roupinhas e musiquinhas e’ um pouco diferente do seu, mas uma coisa e’ certa: os posts lembrados foram realmente os que mais gostei de ler aqui! :) parabéns e um ótimo 2011 para você!

    1. Victoria Siqueira às 22:40

      Nhoim <3 Obrigada linda! E pra vc tb :*

Deixe seu comentário!