julho 2013

1 Milhão de Cores (e lembranças!)

postado em  •  Comentar

Todo mundo tem uma história. Se antigamente guardávamos esses momentos na nossa memória, registradas em fotos tiradas com filmes de 12, 24 ou 36 poses e reveladas em 1 hora no melhor estilo “moço, revela só as boas tá?” ou ainda em ví­deos gravados em fitas VHS, hoje usamos as redes sociais para guardar novas lembranças e recordar fatos importantes e até engraçados da nossa vida.

E para quem é adepto dessa vibe nostálgica e adora recordar (e compartilhar!) bons momentos, a página de Tintas Coral lançou o aplicativo “1 Milhão de Cores”. O app puxa todas as informaçíµes do seu perfil no Facebook e transforma seus momentos mais marcantes em um ví­deo super fofo. Quer ver como funciona? Então dá um play no ví­deo aí­ debaixo:

Curtiu? Então vem aqui e faz o seu :D.

Anos 90: 10 álbuns de rock para amar hoje e sempre

postado em  •  21 comentários

Ok, não é definitivamente nenhuma novidade para quem acompanha o blog do quanto eu amo/sou anos 90, sobretudo quando o assunto é música. Costumo, inclusive, brincar que meu goto musical parou na metade da década passada, porque a última banda que realmente me conquistou a ponto de ser fã foi o Killers, porque o resto acaba ficando na década de 80 e principalmente, a de 90.

FAZENDO DO RÁDIO MINHA MAQUINA DO TEMPO

Aproveitei essa vibe maravilhosa noventista e o “Dia do Rock” para fazer um post que já estava sambando na minha pasta de rascunhos há tempos: álbuns de rock anos 90 para você amar ontem, hoje e sempre e atualizar a sua biblioteca de músicas.

#01 Hole, Celebrity Skin (1998)

hole

Os fãs mais xiitas provavelmente dirão que este é um dos piores álbuns da banda liderada pela deusa/rainha/diva do grunge, Courtney Love. Mas eu, que também sou fã da banda, direi que é o melhor. Bem diferente de seu antecessor, o aclamado pela crí­tica “Live Through This” (1994), Celebrity Skin mostra uma faceta mais pop e divertida da banda ”“embora seja muito subestimado. í‰ de longe um dos meus álbuns favoritos dos anos 90.

Singles para você amar: Celebrity Skin, Awful e Malibu.
í“timas surpresas: Northen Star, Boys On The Radio, Heaven Tonight e Petals.

#02 Garbage, 2.0 Version (1998)

garbage1

Assim como os fãs do Hole, alguns darklings vão falar que o o primeiro álbum do Garbage é melhor, mas euzinha levanto o dedinho e faço isso na cara do underground:

NíƒO *TSC TSC TSC*

NíƒO *TSC TSC TSC*

O segundo álbum do Garbage é, na minha opinião, o melhor da banda. Uma mistura perfeita de rock alternativo com elementos eletrí´nicos resulta em um daqueles CDs que você larga tocando sem pular nenhuma faixa. Tanto é que depois dele, virei fã incondicional da banda -e esse amor perdura desde 1998 <3.

Singles para você amar: Push It, I Think I”™m a Paranoid, Special, When I Grow Up e You Look So Fine.
í“timas Surpresas: Medication, Sleep Together, Hammering In My Head e The Trick Is Keep Breathing.

Continue lendo →