Os 10 anos do Hot Fuss do The Killers <3 <3

postado em  •  5 comentários

Aonde você estava quando você ouviu, pela primeira vez, aquela que viria a ser sua banda favorita? Já cansei de dizer aqui que Garbage e o The Killers dividem o posto de minhas bandas favoritas, cada uma com sua particulidade. Se o Garbage foi a banda que marcou minha adolescência, o Killers marcou o iní­cio da minha vida adulta, minhas obrigaçíµes e amadurecimento.

Em 2004, quando ouvi pela primeira vez “Somebody Told Me”, estava no primeiro ano da faculdade de Administração Hoteleira, ainda sem a certeza se era aquilo mesmo que eu gostaria de fazer até os cabelos ficarem todos branquinhos. Era uma fase de incertezas mas também certezas, de tentar me encontrar e saber quem eu gostaria de ser. Nessa época também, comecei a levar o blog mais a sério (leia-se, sosseguei no meu primeiro domí­nio, o So Like a Rose), conheci pessoas fantásticas que fazem parte da minha vida até hoje. Ainda que a letra não seja um primor do rock alternativo, a música fez parte daquele momento da minha vida, assim como a banda.

MINHA COLEí‡íƒO KILLERIANA DO HOT FUSS <3

MINHA COLEí‡íƒO KILLERIANA DO HOT FUSS <3

De lá pra cá, muita coisa mudou. De hoteleira virei publicitária, os cabelos tingidos de loiro caramelo viraram ombre hair, conheci outras tantas pessoas fantásticas e o Hot Fuss não é mais meu álbum favorito. Porém, meu amor por essa banda, para não dizer que nunca mudou, só aumentou.

Como hoje o Hot Fuss completa 10 anos do seu lançamento, fiquei pensando em uma forma de deixar esse momento registrado aqui no blog. E daí­ surgiu a ideia de criar um infográfico em parceria com o Sweet Talk (aka o fandon que eu faço parte), com alguns números e curiosidades do álbum. Abaixo, você pode conferir o resultado da nossa varredura em busca das informaçíµes. Não consegue enxergar direito o que está escrito? Só clicar em cima para ler em tamanho maior :D.

infografico-gif-b

Quem é victim e gostou, pode replicar por aí­, só peço para não tirar os créditos do Sweet Talk, afinal, todo o trabalho de pesquisa e montagem foi feito por nós.

BRANDINHO (AKA MOZíƒO) EMOCIONADO COM TANTA DEDICAí‡íƒO

BRANDINHO (AKA MOZíƒO) EMOCIONADO COM TANTA DEDICAí‡íƒO

PS: amanhã o Giro da Blogosfera volta, assim como o ritmo normal de atualizaçíµes deste blog AGUARDEíƒN!

Covers da BBC1 que são tão bons quanto os originais

postado em  •  10 comentários

Quem nunca sonhou ver sua banda favorita cantando a música do momento ou aquela outra que você adora? Ou ainda, ouviu uma música e imaginou outro artista cantando?

covers

Preciso confessar que eu adoro covers e sou viciada principalmente, nas versíµes que surgem durante o BBC Radio 1 Live Lounge, um programa da rádio BBC que convida artistas para apresentar as versíµes de suas músicas de forma ~desplugada~ e de quebra, dar uma palhinha com o cover de algum hit de outra banda ou cantor. E tenho certeza que você já deve ter visto algum destes covers passando pela timelinda ou até mesmo, amou e compartilhou com os amigos.

Por isso, fiz uma seleção dos meus 10 covers favoritos da BBC1 (+2 de brinde! hihihi) para você amar tanto quanto as versíµes originais <3.

#01- Miley Cyrus, Summertime Sadness (Lana Del Rey)

O que dizer de Mileyzinha, que vem se superando cada dia mais em todos os sentidos? Confesso que até pouco tempo atrás, tinha muita preguiça dela. Mas bastou ela lançar um álbum maravilhoso para que ela ganhasse meu coração e virasse a minha popstar favorita desta nova safra.

Uma prova disso é esse cover maravilhoso de Mileyzinha para um dos grandes hits da Laninha. Ou vai dizer que “Summertime Sadness” não poderia estar entre as faixas de “Bangerz”?

Diga-se de passagem, melhor do que o cover de “Summertime Sadness”, só o de “Why’d You Only Call Me When You’re High” do Arctic Monkeys no Unplugged MTV que ela fez meses atrás.

#02- London Grammar, Pure Shores (All Saints)

Cada dia que passa, fico mais apaixonada por London Grammar. E esse cover do All Saints, uma das principais girlbands dos anos 90, me fez me apaixonar ainda mais. Melhor que isso, só se fosse um cover das Spice *aquelas recentidas*.

Quer mais motivos para amar o London Grammar? Então ouça os covers deles para Wrerking Ball da Miley e Wicked Game do Chris Isaak (possivelmente uma música mais velha do que você).
Continue lendo →

Nutella Wannabe e Pasta de Amendoim ~homemade~

postado em  •  27 comentários

Todas as receitas publicadas nesta TAG foram adaptadas para minha necessidade de reduzir o consumo de lactose e açúcar na dieta. Não sou nutricionista nem especialista, apenas uma curiosa em busca de opçíµes saudáveis e gostosas para suprir minha necessidade de doce diária e decidiu compartilhar um pouco das aventuras na cozinha no blog. Se identificou? Confira outras receitas aqui!

nutella-pasta-capa

Já contei aqui que essa TAG aqui no blog só existe, basicamente, como uma forma de compensar minha loucura por doces. Sim, sou dessas alucinadas por açúcar que poderia viver a base de chocolate, mas que infelizmente não posso brincar em serviço porque né, genética is a shit e eu estou aqui tentando fugir da diabetes como o diabo foge da cruz. Isso sem falar na intolerí¢ncia a lactose, fato que eu reneguei praticamente a vida toda, mas que de um ano para cá tenho tomado mais cuidado por conta das reaçíµes.

Por outro lado, essa TAG e minha necessidade me fizeram descobrir um novo hobby aos finais de semana: cozinhar. Nunca fui daquelas pessoas que odiavam cozinha, sempre me virei bem, mas dessa vez admito que estou tomando gosto pela coisa, principalmente quando encontro alguma receita incrí­vel para me arriscar.

Esse final de semana não foi diferente e eu resolvi me arriscar 2x em duas receitas que ganharam meu coração e o estí´mago de todo mundo aqui de casa: Creme de Avelã com Chocolate (aka Nutella) e Pasta de Amendoim.

nutella-pasta

nutella-pasta-cima

O mais engraçado é que as receitas são tão ridí­culas de serem feitas que eu fiquei o tempo inteiro duvidando que elas dariam certo -e imagino que você também ficará. Mas tenha fé que eu juro que dá certo!

Além de fáceis, essas receitas são muito mais saudáveis pelo fato de serem feitas em casa, sem aquele monte de conservantes, gordura e açúcar extra. No meu caso, usei 2 produtos mais naturebas (o açúcar e o óleo de coco), mas estes ingredientes podem ser substituí­dos por semelhantes que não altera nem o resultado nem o sabor. Independente das substituiçíµes, o resultado será ainda mais gostoso do que o industrializado <3.

Creme de Avelã com Chocolate (~Nutella~)

gif-nutella

Ingredientes:

1 xí­cara de avelãs sem casca/pele e torradas
120g de chocolate 70%
1/2 xí­cara de açúcar de coco*
2 colheres de sopa de cacau em pó
1 colher de sopa de óleo de coco (pode ser substituí­do por azeite ou qualquer outro óleo vegetal)

*Substituiçíµes: se você não tiver em uma dieta de restrição í  açúcar, pode usar nessa mesma proporção o normal ou o demerara (que é mais saudável que o refinado). Se você tiver restrição e não encontra o de coco, pode usar o de forno e fogão, mas vale comparar as quantidades na embalagem (alguns 1 colher equivale a 1 xí­cara do açúcar tradicional).

Comofí¤s?

Para começar, coloque as avelãs no processador e deixe batendo. Importante sempre dar uma pausa para uma “mexidinha” com a colher, para que a mistura seja processada completamente. Esse processo leva um tempinho (uns 5 minutos, pelo menos!), então tenha paciência foco e fé. Enquanto isso, derreta o chocolate no microondas (se você não sabe como faz, aprenda nesse link aqui).

Quando você perceber que as avelãs viraram um creme (sim, eu juro que vira!), acrescente o açúcar, cacau em pó, o óleo de coco e o chocolate derretido. Deixe bater por mais alguns minutinhos e… pronto!

nutella-pronta-detalhe

Assim que você termina, a textura fica um pouco mais mole do que a original, mas conforme a mistura “descansa”, fica mais consistente e um pouco aerada por conta das avelãs. Ou seja: amor verdadeiro, amor eterno.

Pasta de Amendoim

gif-pastaamendoim

Ingredientes:

2 xí­caras de amendoim torrado sem casca
1/2 xí­cara de açúcar de coco*
1 colher de sopa de óleo de coco (pode ser substituí­do por azeite ou qualquer outro óleo vegetal)
1 colher de chá de sal

*Substituiçíµes: se você não tiver em uma dieta de restrição í  açúcar, pode usar nessa mesma proporção o normal ou o demerara (que é mais saudável que o refinado). Se você tiver restrição e não encontra o de coco, pode usar o de forno e fogão, mas vale comparar as quantidades na embalagem (alguns 1 colher equivale a 1 xí­cara do açúcar tradicional).

Comofí¤s?

Coloque o amendoim torrado no processador e deixe bater até virar um creme. Também deve demorar por volta de uns 5-10 minutos, e é importante que você vá mexendo e desgrudando a mistura durante esse tempo. Quando tiver pronto, acrescente o óleo de coco, o sal e o açúcar. Bata mais um pouquinho e tá pronto!

pasta-pronta-detalhe

Tanto a textura quanto o sabor ficam infinitamente melhores do que aqueles que a gente compra no mercado. Como bem definiu minha amiga, é quase uma paçoca de colher -e afirmo que não achei descrição melhor para ela.

As duas receitas renderam, cada um, 2 potinhos desses que tem em torno de 200ml. Ou seja: é pra ter muita Copa, muita coisa gostosa <3 <3 <3 <3

PS: esse blog ainda não virou de gastronomia viu gente? Eu ia segurar esse post para o final da semana, mas preciso admitir que não aguentei esperar :B