eu quero

Amor nos detalhes

postado em  •  14 comentários

Confesso que até poucos anos atrás, não dava a mí­nima para decoração. Mas daí­ a gente vai envelhecendo, o desejo de ter um cantinho para chamar de nosso vai nascendo e despertando um novo olhar para alguns itens que antes passavam em branco. Com amigos casando e outros montando seu ninho, acabo acompanhando as sagas e aproveito para montar minhas wishlists de decoração mentais. E agora, para completar, estou cuidando de uma conta na agência que eu trabalho que lida justamente com este assunto.

Dentre tantos itens decorativos, dois em especiais sempre me chamaram mais a atenção: objetos com influências mais urbanas, como toyarts e graffitis, e o vintage, assunto recorrente nos meus papos de decor com a Vitrolinha. De peças antigas de verdade como penteadeiras (tí´ louca por uma!), rádios (tenho um que era da minha avó que pretendo roubar herdar) í  produtos fabricados recentemente mas que remetem esta idéia de nostalgia.

E talvez seja por essa minha nova paixão por decoração e também pelo meu gosto pela nostalgia que eu esteja tão encantada pela parceria da TokStok com a Paçoca Amor, aquela da embalagem clássica amarela com um coração gigante vermelho. Ok, a Amor pode ser uma marca, mas vamos combinar que não existe embalagem mais charmosa-fofa-linda-incrí­vel-nostálgica que ela. í‰ literalmente muito AMOR meu povo! (com licença Luciana, não resisti ao trocadilho)

As peças foram criadas especialmente para o Dia dos Namorados em parceria com a Arcor, fabricante da Amor. E o mais legal de tudo é que além dos móveis, a coleção conta com copos, canecas, bloquinhos e outras tranqueiras para quem não tem espaço ou não está disposto a gastar tanto assim. Para conferir a coleção inteira e respectivos preços, clica aqui.

Já pode desejar tudo? :B

Adele sendo linda e musa na Vogue US

postado em  •  9 comentários

Dias desses estava conversando a Camies, minha fiel escudeira do trabalho e uma das minhas melhores amigas da vida, sobre o quanto o lance de ensinar maquiagem na Internet é bacana mas que ao mesmo tempo, conseguia me identificar com pouquí­ssimos tutoriais. Tudo isso porque por mais vaidosa e apaixonada que eu seja por maquiagem, não sou muito chegada a sombras mega coloridas ou maquiagens mais ousadas. Acho que o máximo da minha ousadia diga-se de passagem, é usar um batom vermelho como o Ruby Woo que eu amo e um fuscia como o Girl About Town, ambos da M.A.C. No verão, confesso que tenho arriscado algumas coisas novas como delineadores coloridos em tons azulados, só para sair um pouco da mesmice e não ficar com aquela cara de maquiagem pesada.

A real é que eu acho que maquiagem bonita é aquela que valoriza seus traços e te deixa mais bonita sem te transformar em uma outra pessoa, que carregue um pouco da sua personalidade e estilo. Conheço pouquí­ssimas pessoas tem licença poética de fazer uma maquiagem mega colorida ficar chiquérrima, como as minhas divas Marina e a Bru Tavares (aliás, choro com cada tuto da Bru de tão lindos! HAHAHA), mas ainda assim confesso que não seguro o estilo. E por mais espí­rito travesti que eu seja com essa minha paixão por tudo que brilha, prefiro deixá-los para acessórios e detalhes.

E talvez seja por tudo isso que eu estou apaixonada pela maquiagem da Adele para a Vogue US desse mês. Enquanto 99% da minha timelinda estava preocupada em saber a cintura dela havia ou não sido afinada no Photoshop, eu fiquei hipnotizada pela maquiagem perfeita e diva que ela usou no ensaio: uma pele bem feita, cí´ncavo marcado, delineador gatinho, cí­lios postiços e um batom cor de boca. Musa define!


Continue lendo →

Clássicos de Hollywood em versão zumbi

postado em  •  10 comentários

Já imaginou que louco se personagens clássicos do cinema fossem possuí­dos pelo rí­tmo Ragatanga virassem zumbis?

Apaixonado pelo tema, o ilustrador Matt Busch lançou o “Hollywood is Dead”, um projeto que transforma posters de clássicos do cinema e da animação em versíµes mortos-vivos. A idéia das ilustraçíµes surge a partir de uma lenda criada pelo próprio Matt, que diz que infeccioso virus se espalhou por Los Angeles, fazendo com que os maiores sucessos de Hollywood fossem mortos e posteriormente reanimados, desta vez em forma de corpos apodrecidos e com fome de carne e cérebros.

O resultado são posters extremamente divertidos, criativos e adoravelmente sanguinários -no melhor dos sentidos, se é que vocês me entendem.

Continue lendo →

E se os gatinhos fossem capa de álbuns lendários?

postado em  •  11 comentários

Não é muito segredo que eu sou louca e apaixonada por bichos e muito menos de que eu adoro uma música boa né? Agora imagina quando essas minhas duas paixíµes se encontram em um tumblr que além de ser fofí­ssimo, ainda rende ótimas risadas?

Se você é como eu, vai morrer de fofura e amor pelo The Kitten Covers, um tumblr que reune releituras de capas de discos clássicas do rock com… gatos!

LONDON MEOWING X LONDON CALLING

HISS X KISS

BOB KITTEN x BOB DYLAN

DAVID MEOWIE X DAVID BOWIE

JOAN KITT X JOAN JETT

NEVERKITTEN X NEVERMIND

KITTEN FANTASY X DOUBLE FANTASY

THE KITTEN X THE BEATLES

O tumblr é relativamente novo, por isso, ainda espero outras capas épicas revisitadas para a versão cute. Mas diz se não é para morrer de tanto amor e ternura? <3 [caption id="attachment_9488" align="aligncenter" width="500" caption="VOMITAY ARCO-IRIS"] [/caption]