flexx

10 Anos de Baby One More Time (e Britney)

postado em  •  20 comentários

Semana passada, Baby One More Time, o single que lançou Britney Spears ao estrelato (e a realeza pop) e tornou-se um marco da música pop da década de 90 completou 10 anos. Parece que foi ontem que a loirinha de 16 anos, vestida de colegial saia dançando pelos corredores e dando mortais pelo ginásio, cantarolando a música que fez pessoas de todas as idades cantarem junto com ela.

10 anos de sucesso, amadurecimento profissional e pessoal, escí¢ndalos e polêmica, muita polêmica. Da garotinha virgem ao furacão sexual, da menininha puritana a mulher “problemática”, Britney parece ter passado por várias etapas da vida, momentos bons e péssimos (ano passado, oi?), da glória a “decadência”.

O fato é que no ano do aniversário de uma década de carreira, Britney fez a fenix e tá ressurgindo das cinzas. Truque barato de marketing ou não, seu novo site oficial mostra o passo a passo da sua volta digna aos palcos depois de 2 barrigíµes, separação dolorosa, bipolaridade e envolvimento com álcool. Não que o Blackout não teve seus méritos (aliás, ele é meu álbum favorito dela), mas talvez Brit-Brit não estivesse preparada para um comeback a sua altura.

Para comemorar os 10 anos e seu tão aguardado comeback, dois sites organizaram uma Fan Party em São Paulo, com direito a cover oficial, coisa e tal. A balada em si era razoavelmente boa, apesar da pouca variedade na carta de bebida (e o preço abusivo, tipassim, uma cerveja R$ 8 ?) e da falta de orientação dos funcionários, mas o que seria um “especial” Britney deixou a desejar: foram só 40 minutos de músicas da diva (incluindo as apresentaçíµes da cover), durante a festa 5x Gimme More com remixes uó (tirando os remixes que rolaram, que eram do B In The Mix – cd de remixes oficiais), decoração bem fraquinha (leia-se 3 banners furrecas) e desorganização total nas filas e nas listas vip. Para ser bem sincera, valeu pela companhia da Karen (e do João e do Fê – queridos !) e pela apresentação da Fran Porto. E só. Muito confete, nada de serpentina.

Apesar dos apesares, consegui fazer uns ví­deos (santa Cybershot W125 !) e decidi fazer um compacto com os melhores momentos da festa para postar aqui e saciar a curiosidade de vocês !

Vike e Ju, faltou vocês lá seacabandocomigo !