glitter

D.I.Y.: a fabulosa Caveirinha Purpurinada

postado em  •  27 comentários

caveira

Não faz muito tempo que eu tenho me apaixonado por decoração e por itens decorativos. Na verdade, comecei a gostar disso quando consegui dar uma personalidade para meu quarto e para o meu home office, que até então eram com móveis de quando eu era pequena e não tinha um estilo/personalidade definidos. E é muito legal e prazeroso quando você começa a transferir um pouco da sua personalidade e estilo em outros lances da vida, como sua casa ou no meu caso, um determinado cômodo.

Se eu tivesse que definir meu estilo, diria que ele transita pelo gótico suave glam-rocker. Amo preto, couro, coisas de paetê/glitter, spikes, tachas e claro, caveiras. Muitas caveirinhas. E apesar do meu guarda-roupa estar repleto de peças com estas inspirações, achei que meu estilo também merecia um lugar especial na decoração do meu novo home-office. Durante algumas semanas, encontrar uma caveira de glitter virou uma obsessão para mim. Quando encontrava, ou não era da cor que eu queria ou o preço não me convencia. Dai que um belo dia, encontrei crânios de gesso numa loja de artesanato no centro de Santo André e resolvi fazer um momento art attack. E não é que deu super certo? Prova disso é que toda vez que eu coloco fotos delas no Instagram, faz o maior sucesso e sempre me perguntam aonde eu comprei!

Por isso, resolvi compartilhar o passo-a-passo da fabulosa e glamourosa caveirinha de glitter e também, inaugurar a tag de D.I.Y., que vai trazer tutoriais de “faça você mesmo”, ideias e inspirações para decorar a casa ou um momento especial, como uma mini-festinha descompromissada ou temática em casa.

Vamos aprender a fazer? É fácil, relativamente rápido e mega barato -devo ter gasto em torno de R$15 em todos os materiais, sendo que a tinta e o pincel poderei usar outras vezes :D

Material

01 crânio de gesso (vende em lojas de produtos para artesanato)
01 potinho de glitter fino
01 tinta acrílica na cor + próxima do glitter (usei dourado, mas você pode combinar um pink para glitter pink, azul para glitter azul, preto para glitter prata escuro)
01 cola branca
01 pincel

Como fazer?

caveira-passoapasso

1. Antes de começar, verifique se a caveira está lisinha, sem ondulações e sujeirinhas. Caso esteja, basta dar uma lixadinha e limpar com um pano limpo ou borracha (no caso de lápis, que é bem comum). Com ela limpa, comece a pintura com a tinta acrílica. Passe 2 demãos para garantir que ela fique bem pintadinha e deixe secar. Nesse processo ela já fica bem bonita e pode ser uma alternativa para quem não gosta de coisas “purpurinadas”.
2. Com ela seca, passe a cola branca com a ajuda do pincel e salpique glitter. Minha sugestão é fazer isso aos poucos e deixando secar completamente antes de repetir o processo. Atenção para os olhos e maxilares, que geralmente tem “buraquinhos” mais chatos de aplicar.
3. Espere secar completamente de um dia para o outro. Depois, assopre para tirar o excesso de glitter ou dê batidinhas na peça.

caveira4 caveira5

Por uns dias, o glitter vai cair, ainda que você bata e passe um espanador para ir mais rápido. Mas não é nada assustador e que vá deixar sua casa brilhante, ok? Pode ficar tranquila!

As fotos não ficaram tão legais e ainda tive editar para deixar mais nítido, mas se você ama caveiras e glitter, pode fazer que é sucesso. E quem fizer, volta aqui pra contar ou me marca no Instagram, @borboletando. Vou adorar ver o resultado das caveirinhas fabulosas de vocês <3.

Os solados grafitados de Taylor Reeve

postado em  •  8 comentários

Em tempos de Christian Loubortin e o reinado dos solados vermelhos exaustivamente chamados de inspired copiados, idéias criativas e inusitadas são extremamente bem vindas.

Um ótimo exemplo disso é a marca Taylor Says da grafiteira e artista plástica norte-americana Taylor Reeve, que resolveu fazer uma adaptação dos desenhos que ela costumava fazer pelas ruas de San Diego para outras peças como shapes de skate, pranchas de surf, capacetes, camisetas e sapatos com saltos altí­ssimos.

A inspiração vem da rua, com desenhos bem no espirito street e influências old school como caveiras, rosas e piratas. Os saltos, altí­ssimos, dão um toque feminino e sexy ao calçado. Segundo a própria Taylor, “os sapatos são feitos para meninas que querem se sentir únicas e sexies, que não tem medo de exporem suas opiniíµes e sejam extremamente confiantes”.

O resultado das criaçíµes da moça não poderia ser outro: sapatos exclusivos, lindos e cheios de estilo!

Curtiu? Então se prepara que tanta exclusividade tem seu preço: de R$450 í  R$600 na loja da moça no Etsy. Apesar do valor salgado, vale lembrar que cada peça é exclusiva e feita a mão, uma verdadeira obra de arte. E para conhecer outros trabalhos da Taylor, clique aqui para ver o Portfólio.

Já pode muito desejar um? :~

A Ankle Boot mais linda e purpurinada da cidade!

postado em  •  10 comentários

Com os dias contados para o fim do verão (som de fogos de artifí­cio) e a chegada do frio, já estou na vibe de criar wishlists mentais com todos meus desejos de consumo desta estação. Além do xadrez e dos ~caveirismos~ que já fazem parte do meu guarda-roupa o ano inteiro, tenho desejado jaquetas de couro (tí´ louca por uma vermelha!), blusas com ombreiras, casaquetos e sapatos, em especial botinhas tipo ankle boot.

Daí­ semana passada, fazendo meu tour pelas lojas virtuais para fazer minhas wishlists mentais e caçar sapatos incrí­veis, dei de cara com uma ankle boot toda glitterinada da Top Vision por 149 dilmas no Dafiti. Mesmo abolindo o salto da minha vida, confesso que não resisti a tanto amor materializado em forma de sapato…

O salto tem 11,5cm e é bem grosso, o problema é que na parte da frente não tem plataforma, ou seja, o pé fica mega inclinado e é meio torturante para quem desaprendeu a usar saltos mais altos do que 7cm. A princí­pio pensei em levar na Sapataria do Futuro para ver se eles conseguem diminuir o tamanho do salto, mas de acordo com a Deia que é profissional da área, vão conseguir reduzir no máximo uns 2cm. Mas vamos combinar que já é um avanço né? HAHAHAHA

Estava ~chateadí­ssima~ com a Santa Lolla depois da minha sapatilha de caveira ter quebrado com 5 minutos de uso bem no dia do meu aniversário, mas daí­ toda a mágoa e recalque passaram quando eles lançaram a coleção de outono/inverno 2012 e sambaram na minha cara. Resultado: tí´ toda trabalhada no status “esperando a coleção chegar enfim nas lojas para comprar os meus”.

Cadê Brasil? Cadê meu glitter produção?

DOROTHY GALE CHORA GLITTER LENDO ESTE POST

As sapatilhas + bonitas (e pechinchas!) da cidade

postado em  •  21 comentários

í‰ oficial, Brasil: desaprendi a usar salto. Desde quando comecei a adotar a sapatilha como sapato básico para o dia-a-dia, tenho desaprendido a andar em qualquer coisa que tenha mais de 7cm de salto -ou que não tenha o mí­nimo de conforto. E tenho percebido que este não é um comportamento só meu: várias amigas também tem deixado o salto de lado e adotado tanto no dia-a-dia quanto para sair a noite.

O que me deixa mais feliz é que as marcas de sapato tem investido cada vez mais em versíµes diferenciadas de sapatilha, saindo daquele formato clássico de couro ou tecido de cores únicas e incluindo detalhes diferenciados como broches e aplicaçíµes ou até mesmo, investindo em texturas e efeitos diferentes.

Um bom exemplo disso são os sapatos glitterinados que Miu Miu e Louboutin lançaram na gringa e, felizmente, cairam nas graças também das marcas nacionais. Eu mesma já contei em algumas ocasiíµes aqui no blog que eu tenho sí­ndrome de centopéia e que eu super aderi a essa onda “travesti meets Dorothy”, começando pelo Oxford de Glitter da Empório Naka. Desde então, comecei uma busca constante por outras versíµes de Oxford e principalmente de sapatilhas de glitter para usar no dia-a-dia para quebrar um pouco do meu figurino “guarda-roupa da Mí´nica feelings” e principalmente, ter uma opção mais glam para sair com os amigos na noitchy.

Já havia encontrado no shopping as versíµes da Corello e Schutz para a moda purpurinada, mas confesso que apesar de ser super mão aberta e a favor de comprar aquilo que você de fato gosta/usa sem se importar muito com preço, estava tentando ter coragem de pagar entre R$180 e R$250 em alguma delas. Me encantei também por uma da Flats & Co, mas como todas as coisas realmente bonitas deles, estava em falta. Até que googlando e vasculhando em algumas lojas virtuais descobri que a Dakota havia lançado sapatilhas de glitter para a coleção de verão 2012. Procurei fotos, dei zoom, vi que aparentemente eram bonitas, bem feitas, com glitter do bom, do grossinho e com um preço incrí­vel: 69,90 dilmas. Daí­ fiz a Thayanni e falei “afffff me dá logo duas porque sí´ rica” não resisti e comprei as duas versíµes, ouro e prata.

Quando chegaram, chorei glitter de emoção e felicidade porque é muita beleza, riqueza e emoção em forma de sapatilha purpurinada:

Continue lendo →