polaroid

Meu home-office (ou da onde eu posto)

postado em  •  25 comentários

Este post faz parte da blogagem coletiva do Rotaroots, um grupo de blogueiros saudosistas que resgata a velha e verdadeira paixão por manter seus diários virtuais. Para ler todas as blogagens coletivas do Rotaroots, clique aqui. Quer participar? Então faça parte do nosso grupo no Facebook e inscreva-se no Rotation.

Até o meio do ano passado, tanto meu quarto como meu home-office não tinham um pingo sequer de personalidade. Meu quarto tinha móveis de quando eu era pequena e o escritório era um amontoado de móveis que minha mãe usava no consultório de psicopedagogia e eu acabei “herdando” anos depois. Aproveitei os planos dos meus pais de uma reforma na nossa casa para deixar tanto meu quarto, como meu home-office com mais cara de Victoria.

Embora a reforma ainda não esteja 100% concluí­da, aproveitei um dos temas do mês do Rotaroots para mostrar uma parte do home-office para vocês, ou melhor, a parte que está finalizada. A outra, que tem meu sofá-cama e papel de parede ainda não está completa mas prometo que assim que estiver pronta, volto aqui para mostrar.

Bom, como eu disse no começo do post, meu objetivo era deixar meu home-ofice com a minha cara e para isso, troquei tudo: móveis, cor da parede, decoração. E preciso dizer que não poderia estar mais feliz e satisfeita com o resultado (quase) final :D.

homeoffice1

homeoffice3

homeoffice6

Minha primeira ideia foi fazer uma parede com tinta imantada e transformá-la em um grande mural de fotos estilo polaroid. Já contei o processo dela e como eu transformei estas fotos em imãs neste post. Sobre a cor da parede, pink é minha cor favorita desde sempre (e olha que eu estou bem longe de ser uma Barbie Girl!) e um desejo antigo. Fiquei muito feliz em conseguir realizá-lo <3.
Continue lendo →

DIY: fotos estilo “polaroid” imantadas

postado em  •  16 comentários

Desde a adolescência sou apaixonada por fotos na decoração. Comecei colocando fotos na parte de dentro da porta do guarda-roupa, passei pelo mural de cortiça e até poucos dias atrás, estava mantendo no meu ~antigo~ quarto um mural desses de metal.

Recentemente, resolvi fazer uma transformação no meu quarto, trocando os armários que eram de quando eu tinha 8 anos (sério gente, não tinha lugar para colocar mais nada! HAHAHA) e transformar o quarto de visitas aqui de casa em um home office digno de receber este tí­tulo. Aproveitei esta reforma para mudar várias coisas e dentre elas, de trocar meu velho mural de metal por um desejo antigo: pintar a parede principal do escritório com tinta magnética e transformá-lo em um enorme painel de fotos.

Desde que eu conheci o Stickygram, fiquei fascinada com a ideia de transformar minhas fotos em imãs e usá-las em um mural. A ideia inicial era fazer as fotos por lá mesmo, mas colocando na ponta do lápis, o desejo ia sair caro demais. Isso sem falar que as fotos são pequenas, logo, eu precisaria imprimir centenas delas para que eu pudesse chegar no efeito dos sonhos. Daí­, vendo algumas inspiraçíµes no Pinterest, tive uma ideia: transformar minhas fotos em “polaroids” e aplicá-las em uma manta imantada adesiva. E não é que deu super certo?

AINDA FALTA PINTAR A PAREDE POR CIMA DA TINTA IMANTADA, MAS <3

AINDA FALTA PINTAR A PAREDE POR CIMA DA TINTA IMANTADA, MAS <3

E ao contrário do que parece, foi mais fácil do que eu imaginava. Tanto que eu resolvi fazer um passo-a-passo para ajudar vocês a também criarem suas polaroids imantadas para deixar seu mural ainda mais legal. Mãos í  obra? :D

#01 Você vai precisar de:

dyi-polaroid-materiais

A malha imantada nada mais é do que um adesivo com imã em um dos lados. Ele é bem fino e por isso, não compromete o efeito da foto. Para encontrar, você precisa ir em lojas especializadas em lembrancinhas ou em material para escritório.

Comprei o meu, já no tamanho 13×18, no Kalunga e paguei em torno de R$10 o pacote com 10 imãs. Uma opção mais econí´mica é comprar a folha no tamanho A4 (sulfite), que dá para colar mais ou menos 2 fotos 13×18. Nesse site achei por R$16 o pacote com 10 folhas.

Continue lendo →

Instant Cam, o app da Polaroid no seu iPhone

postado em  •  8 comentários

Não é segredo para ninguém o quanto eu tenho um pézinho no vintage, principalmente, coisas que marcaram a década de 80 e 90 e lembram minha infí¢ncia e parte da minha adolecência. E a Polaroid talvez sintetize um pouco não só a minha paixão pelo retrí´ oitentista/noventista, mas também a de muita gente. Ou vai dizer que você nunca sonhou em ter uma?

Eu nunca tive uma Polaroid para chamar de minha, mas o namorado da minha tia era apaixonado por fotografia e máquinas fotográficas e um belo dia, ele apareceu com um exemplar aqui em casa. Naquela época, uma cí¢mera que tirava foto e revelava na hora depois de alguns chacoalhíµes ou assopros era o ápice da modernidade fotográfica -lembram que a gente tinha que deixar o rolo do filme na revelação e pedir “para revelar só as boas”?

Alguns anos mais tarde e as Spice lançaram uma versão rosa e roxa em parceria com a marca e como se não bastasse minha facinação pela cí¢mera, eu queria ter uma só pelo simples fato de que era assinada pelas Spice. Quando fui pedir pros meus pais, nem preciso dizer o quanto eles riram da minha cara né?


Spice Cam: o sonho de consumo de uma geração

Passaram-se os anos, as cí¢meras digitais chegaram e a Polaroid começou a perder espaço, afinal, você conferia o resultado no visor da cí¢mera/celular e não gastava dinheiro com filmes ou revelaçíµes (instant Tec Pix 5×1). A fábrica inclusive, chegou a anunciar que não fabricaria mais a máquina e o filme, pois não havia mais mercado -o que não durou muito já que ambos voltaram a ser fabricados no ano passado.

O fato é que a Polaroid nunca deixou de sair de nossos pensamentos e sempre esteve presente de alguma forma na nossa vida, principalmente na Interwebs, em versíµes digitais. Agora a moldura de fotos mais famosa e querida de todo mundo ganhou um aplicativo para o sonho de consumo desta nova geração.

O Instant Cam é o app oficial da Polaroid para iPhone e tem como objetivo proporcionar a mesma experiência que a gente vivia ao tirar a foto com a máquina -inclusive ter que chacoalhar o aparelho para que a foto seja “revelada” no iPhone. Se você não conseguiu visualizar como seria isso, clica aqui e assista o ví­deo explicativo do app.

Você também pode escolher em qual versão da Polaroid a foto ficará: vintage, preto e branco, colorido (pop) ou digital. Além da moldura, o app permite que você faça uma anotação na foto em questão, exatamente como nós faziamos na polaroid real.

Nem preciso dizer que não tem como não amar né? í‰ o meu app favorito junto com o Instagr.am que eu já contei aqui pra vocês.

Para quem gostou e quer baixar djá, o app está disponí­vel na App Store. í‰ um aplicativo pago ($0,99) mas é tão amor que vale cada centavinho pago :3