synthpop

Um convite para dançar como se ninguém estivesse vendo em “Lonely Town”

postado em  •  3 comentários

lonelytown

Que eu estou empolgadíssima com o novo álbum solo do mozão Brandon Flowers não é nenhuma novidade, né? Mas parece que o mô não deixa de surpreender e esfregar na minha cara e de todos os fãs ao veio: saindo completamente da sua zona de conforto, incorporando elementos de suas inspirações musicais e flertando com o pop de maneira majestosa.

Depois das excelentes “Can’t Deny My Love” e “Still Want You”, Brandon liberou a oitentista e forte candidata a hino do synthpop do século XXI “Lonely Town”, que ganhou um clipe gracinha no melhor estilo “dançando como se ninguém estivesse vendo em uma noite qualquer de 1985”, com direito a walkman, fita K7, luzes dignas de uma mini-discoteca da década de 80 e coreôs em cima do sofá.

Vista sua calça ~fusô~, coloque suas polainas, dê o play e saia dançando pela casa como se ninguém estivesse olhando <3:

lonelytown2

lonelytown1

Odeio quando eu tô dançando sozinha em casa e os vizinhos me pegam no flagra :/

Odeio quando eu tô dançando sozinha em casa e os vizinhos me pegam no flagra :/

Pelo andar da carruagem, já deu para perceber que “The Desired Effect” vai ser o puro creme sambante dos anos 80 e que vai chegar lacrando/destruindo o que vê pela frente. Enquanto o dia 18 de maio (e o resto do álbum!) não chega, ouça as músicas já lançadas no Spotify e na Deezer.

E para quem também gosta do mozão, fica o lembrete da nossa campanha no Queremos! para trazer a tour do Brandon para o Brasil. Se você também gosta dele ou simplesmente quer me ajudar nesta campanha, se cadastra no site usando seu Facebook ou Twitter, abra este link e clica em QUERO. Ajuda a gente, pvrzinho? <3

Mixtape #54 – Good Music Never Gets Old

postado em  •  20 comentários

capatape54

Que eu gosto de música velha, isso já não é uma novidade entre os leitores do blog. Meu gosto musical parou na primeira década de 2000 e desde então, acabo ouvindo as mesmas coisas e, quando são coisas novas, geralmente se parecem muito com as que eu já conhecia.

Daí, que um dia desses me peguei ouvindo New Order e Madonna das antigas e pensei o quanto os anos passam e aquelas músicas, produzidas há 20, 30 anos atrás, soam como novas. Foi ai que veio a ideia de fazer uma mixtape com hits que parecem só melhorar com o passar dos anos. Confesso que comecei a editar com uma lista enorme de músicas em potencial, mas como a mixtape ficaria gigante, acabei focando em músicas que fizeram sucesso até o comecinho dos anos 90 -e ainda assim ficou um monte de coisas que eu amo de fora. Ou seja: bem provável que aquela música que você ama e também acha eterna entre numa segunda ou terceira parte da lista!

mixtape54

Gostou e quer levar com você? Então baixe a versão editada aqui ou sincronize a playlist em seu Spotify. Para ouvir todas as Mixtapes que já passaram por aqui, clique aqui. Quer sugerir um tema? É só falar nos comentários ou contar para mim lá no grupo do blog no Facebook.

Conheça “Owl City”

postado em  •  9 comentários

Quando você ouvir Owl City você vai se sentir nas nuvens. O synthpop melódico é resultado das noites de insí´nia de Adam Young no porão dos pais em Minnesota.


Continue lendo →